“Minha Casa Melhor”, Minhas Finanças... Como Ficam?

Compartilhe

O Governo Federal, através da Caixa Econômica Federal (CEF), criou mais uma linha de crédito para os participantes do programa “Minha Casa, Minha Vida”.

O novo programa é denominado “Minha Casa Melhor” e consiste numa linha de crédito de até R$5.000,00 (cinco mil Reais) para comprar móveis e eletrodomésticos que pode ser parcelada em até 48 vezes. O programa limita os itens a serem comprados assim como seu valor máximo. Os produtos se reduzem a 5 (cinco) tipos de eletrodomésticos (Refrigerador: até R$1.090; Fogão: até R$599; Lavadora de roupa: até R$850; Notebook ou computador: até R$1.150 e TV Digital: até R$1.400) e 5 tipos de móveis (Guarda-roupas: até R$380; Cama de casal (com ou sem colchão): até R$370; Cama de solteiro (com ou sem colchão): até R$320; Mesa com cadeiras: até R$300 e Sofá: até R$375).[i]

Os participantes do programa “Minha Casa, Minha Vida” têm motivos para comemorar, pois esta linha de crédito oferece várias vantagens: um desconto de 5% sobre o preço à vista desses produtos e uma taxa de juros no parcelamento de 5% ao ano (a taxa média de juros no parcelamento normal está no 4,08% ao mês). A primeira parcela deste financiamento vence ao utilizar a totalidade do crédito aprovado ou passados 4 (quatro) meses desde a primeira compra (o que acontecer primeiro).[ii]

Porém, esta linha de crédito (assim como qualquer linha de crédito) tem seus riscos. Será que essa parcela cabe no orçamento familiar? Poderia ser que a felicidade de equipar a casa nova se transforme em uma grande dor de cabeça a curto ou médio prazo?

Umas recomendações antes de contratar esse crédito:

  1. Diagnostique: quanto somam os ganhos líquidos (o valor líquido depositado na conta ou recebido em dinheiro) da sua família?
  2. Diagnostique: quais são as despesas fixas (essas que devem ser pagas todos os meses: parcela do Programa Minha Casa Minha Vida, condomínio, escola, alimentação, transporte, luz, água, convênio médico, remédios, vestimenta básica)?
  3. Diagnostique: existem parcelas de compras anteriores (crediário, boletos, fatura do cartão de crédito) com vencimentos a vencer (a serem pagos nos próximos meses)?
  4. Diagnostique: Existem outras despesas ainda não listadas? Quais são? Quanto somam?
  5. Faça uma conta simples: Ganhos Líquidos - Despesas Fixas - Parcelas - Outras Despesas. Sobra algum dinheiro?
  6. Faça um orçamento: Quais artigos são necessários (necessários mesmo!) para a casa?

Quanto custam? Qual será o valor da parcela mensal para pagar todos esses itens?

7) Esta nova parcela: cabe dentro do orçamento familiar?

8) Após descontar esta parcela do que sobrou ao fazer a conta da pergunta 5, sobra algum dinheiro para fazer uma reserva para despesas necessárias e urgentes não planejadas?

Se a resposta para a última pergunta for não, convido você a pensar junto comigo:

  • a) Pode excluir algum item da lista de forma que essa reserva possa ser feita?
  • b) Se o não foi na pergunta 5): Quais despesas regulares podem ser reduzidas para assim poder comprar algum item necessário aproveitando esta nova linha de crédito?
  • c) Vale a pena gerar uma dívida que não poderá ser paga? Lembre-se de que essas parcelas podem se estender por até 4 (quatro) anos!

É importante considerar de que virar inadimplente (não poder honrar suas dívidas) é uma escolha pessoal! É isso o que quer para você e sua família?

Todos desejamos oferecer o melhor para nossa família, os apelos para consumir (comprar) são muito fortes, a promoção deste programa “Minha Casa Melhor” pela CEF é muito forte também. Porém, ceder a estes apelos, endividar-se e não poder pagar depende só de você!


[i] Fonte: “Bolsa geladeira estimula vendas em lojas do Vale” matéria publicada pelo Jornal “O Vale” do dia 27 de Julho de 2013.

[ii] Fonte: “Bolsa geladeira estimula vendas em lojas do Vale” matéria publicada pelo Jornal “O Vale” do dia 27 de Julho de 2013.




Silvio Bianchi Silvio Bianchi  /  Site do autor  /  Comportamento  / Data: 11/07/2013  / Views: 7.219 / Mais artigos deste colunista

CONTADOR PÚBLICO - LICENCIADO EM ADMINISTRAÇÃO pela Faculdade de Ciências Econômicas e de Administração de Uruguai, com estudos de Pós Graduação em GESTÃO DE ORGANIZAÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS. CERTIFIED MASTER COACH, formado pelo Behavioral Coaching Institute (BCI) com certificação do International Coaching Council (ICC). COACH PESSOAL E PROFISSIONAL, CERTIFIED EXECUTIVE COACH e LIDER-AS-A-COACH formado na Sociedade Brasileira de Coaching (S...