Relacionamento Cliente x fornecedor

Compartilhe

Siga-nos no Twiiter

O preço ainda é, em muitas empresas, o único critério de escolha dos fornecedores; contudo, cada vez mais se observam outros critérios.

As relações que existiam no passado entre clientes e fornecedores caracterizavam-se principalmente pelo antagonismo. Hoje, esse tipo de relacionamento é incompatível com a eficácia que se deseja nos negócios.

Não é possível suportar incômodos, prejuízos e atrasos devido à má qualidade dos materiais que adquirimos, pelo que cada vez mais se procura um relacionamento com os fornecedores caracterizado por uma confiança mútua, uma colaboração duradoura e maiores exigências qualitativas.

Relacionamento Cliente x Fornecedor

 

Passado            

Presente

Adversário

Parceiro

Muitos fornecedores

Poucos fornecedores

Desconfiança

Confiança

Relação a curto prazo

Relação a longo prazo

Planejamento conjunto

Zero defeitos

Zero atrasos

Baixo preço

 

Para isso, é necessário trabalhar com menos fornecedores, planear em conjunto, a longo prazo, e assegurar uma fidelidade que possa ser retribuída com uma qualidade superior e com ausência de atrasos.

 

É claro que isto constitui uma pressão enorme sobre as empresas que se querem manter no mercado fornecedor. As exigências são cada vez maiores: zero defeitos, zero atrasos e manutenção ou mesmo redução de preços.

 

Esta redução deverá incidir nas parcelas inúteis da composição do preço de venda de um produto.

 

Preço de Venda de um Produto

 

1- Parcelas úteis                            

 

Matérias primas

Energia

Transformação (Mão de obra Utilização de equipamentos)

 

2- Parcelas inúteis

 

Refugos

Retoques

Avarias

Paragens

Reparações no pós-venda




Kátia Reis Kátia Reis  /  Site do autor  /  Qualidade  / Data: 18/05/2009  / Views: 11.314 / Mais artigos deste colunista

...